Conectado com

Notícias

Você sabia que o médico-veterinário se faz presente em sua ceia de Natal?

Publicado

em

Banco de imagens

A celebração das festividades natalinas é um momento especial de reunião e alegria, em que compartilhamos refeições preparadas com carinho. Mas você já parou para pensar no cuidado e na segurança por trás dos alimentos que compõem a sua ceia de Natal? O médico-veterinário desempenha um papel crucial nos bastidores, assegurando a qualidade e a segurança dos produtos de origem animal (POAs), essenciais para esta ocasião festiva.

Antes mesmo de chegar à sua mesa, o famoso frango, seja Fiesta ou Chester, o peru, a carne de porco, o bacalhau ou até mesmo itens como leite, ovos e demais alimentos de origem animal utilizados no preparo das sobremesas, como rabanadas, passam por um rigoroso controle realizado pelo médico-veterinário. Esse profissional atua em diversas etapas da cadeia alimentar, desde a produção até o consumo, garantindo a saúde pública por meio da inspeção sanitária.

A atuação do médico-veterinário não se limita apenas à garantia da qualidade dos alimentos, mas também abrange a promoção da saúde pública, prevenindo doenças transmitidas pelos alimentos e assegurando que o consumidor desfrute de uma ceia segura e saudável.

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Rio de Janeiro (CRMV-RJ) reforça a importância de valorizar o trabalho do médico-veterinário na segurança alimentar. Ao consumir alimentos inspecionados e seguindo as orientações de armazenamento, preparo e conservação, você contribui para a garantia de uma ceia de Natal segura e livre de riscos à saúde.

Neste período festivo, lembramos da dedicação desses profissionais que trabalham incansavelmente para garantir a qualidade dos alimentos que fazem parte das nossas celebrações. A todos os médicos-veterinários, nosso reconhecimento e gratidão por zelarem pela segurança alimentar e pela saúde da população.

Desejamos a todos um Natal repleto de alegria, união e, é claro, uma ceia deliciosa e segura, graças ao trabalho dos médicos-veterinários.

Fonte: Assessoria Conselho Regional de Medicina Veterinária do Esta do Rio de Janeiro (CRMV-RJ)

Assine nossa newsletter e recebas as principais notícias em seu email.